Páginas

26 setembro 2006

Reflexões

Quase a fazer 30 anos (no dia 29) e eis me a pensar na minha vida, o que já vivi, o que já cresci as voltas que a minha vida deu, o que ainda tenho que crescer e viver :)

Só neste ano já concretizei muitos sonhos:

- casei com um homem maravilhoso, posso dizer mesmo com o homem dos meus sonhos, e estamos a viver na NOSSA casa,

- a festa do nosso casamento foi espectacular onde juntámos família e amigos tão dispersos por este país fora, uma festa memorável,

- fui ao Rio de Janeiro ver a minha tia Ana Maria e conhecer os meus primos que apesar de termos um oceano a separarmo-nos somos mesmo parecidos tanto por fora como por dentro. Que pena as viagens serem tão caras. Amei muito a cidade maravilhosa que é o RIO, as pessoas, os sons, os cheiros a alegria sempre presente no rosto das pessoas.

- fui madrinha pela primeira vez do meu sobrinho Bernardo, já fez 1 aninho no dia 2 de Setembro,

- participei na FARAV ( feira de Artesanato da Região de AVeiro), no stand da Verdesperto,

- montei uma tenda com o meu artesanato e o da Fernanda na Festa da N. S. da Nazaré, na minha cidade da Gafanha da Nazaré, onde pude mostrar ás pessoas que me conhecem um pouco do meu hobby e da minha paixão pelo artesanato.

É bom recordar o que já se fez para dar força para continuar, ainda tenho de aprender a ser mais organizada e dar prioridade a coisas importantes, mas isto faz parte do crescimento e do amadurecimento :)

Passou um ano que criei este blog no passado dia 14, tinha tantos planos e ideias para escrever e meter aqui as melhores imagens e depois passou o dia e foi passando e passando, e eu fui me esquecendo, tenho andado sem tempo e sem net :(

Quero deixar um beijo muito especial a todos os que me visitam, me leiem e me aturam :)

Beijos grandes

3 comentários:

biojoaninhas disse...

Eu, que desses teus futuros 30, já te aturo há 26 anos, tenho a dizer que te adoro, te amo, és a minha irmã mais velha, a minha confidente, a única com quem ousei cantar em trajes que se podem catalogar de imprevisíveis e únicos, com memória fotográfica a confirmar, aquela que apesar de longe, estás sempre perto, juntinho a mim, no meu coração.
sei que quando precisares me telefonas e eu igualmente, já passamos por isso, já o fizemos.
Não imagino a minha vida sem a minha gafanhota preferida.
Quando pensares no que já viveste atreve-te a pensar quantos milhares de pessoas já passaram pela tua vida!!!!!! Vais ver que é impossível recordar toda a gente.
Um beijo e espero que para além destes 30 que chegam cumpras 60 e porque não 90, e que eu esteja cá para os contar!

Xica disse...

Já ontem escrevi aqui mas a porcaria da net aqui estava taralhouca e não gravou o comentário (dava-me aquele erro estúpido q é preciso utilizar o refresh).
Realmente este ano trouxe-te muitas coisas boas. E ainda bem -tu mereces pois espalhas alegria e boa disposição por onde quer q andes e devias ter a recompensa por isso.
Qt ao blog parabéns tb e obrigada por me meteres neste mundo q me faz muita companhia (nunca pensei dizer isto da net).
Na 6ª depois falamos.
Beijitos.

cathywoman disse...

Não só a ti trouxe coisas boas... a todas nós por saber que estás bem, e feliz...
inté sexta...