Páginas

29 setembro 2005

Muitos parabéns também para uma menina muito prendada, a Eloisa Louceiro , que faz anos hoje.
Beijinhos!!!!!!!!

Parabéns a mim!!!

Hoje faço 29 anos, e uma menina muito querida chamada Miriam, foi a primeira a dar-me os parabéns. Imaginem recebi uma mensagem dela á meia noite e dois minutos, bateu todos os records, nunca ninguém me deu os parabéns tão cedo. Obrigada!!
Aqui estou eu e uma surpresa oferecida pela Minda e mãe, cheiram muito bem!!! Obrigada!!
Quero deixar também aqui muitos beijos para as minhas amigas que vêm aqui espreitar ao blog e me dão tanto carinho e força, elas são Sarinha, Mané, Catarina, Isabel, ...
há mais e eu não sei acusem se!!!

Bom, logo á noite há de ser um jantar em família e claro que um delicioso bolo de massa folhada carregadinho de ovos moles :) Obrigado mamã!!!

27 setembro 2005

Nostalgia...

Quando era pequenina (até aos 18 anos :)) o que eu mais gostava era de fazer anos por causa da festa. Os meus amigos vinham todos cá a casa, a minha fazia sempre um grande e farto lanche e havia sempre música a tocar para nós dançarmos, era uma alegria e um dia muito bem passado. Com o tempo a passar parece que esmoreci e como me irrita isto. Estou a dois dias de fazer anos e é sempre a mesma coisa, antes do dia do aniversário não me apetece fazer nada, nem organizar nada e até fico irritada (tipo com T.p.m) e depois de a data passar fico sempre a pensar que devia ter feito um jantar, juntado a família e os amigos, que isto, que aquilo, grrrrrrrrr que nervos que me dá!!!

Para este post não ficar tão "down" ficam aqui umas das minhas últimas obras!!! :)

25 setembro 2005

Já é Domingo :(

Amanhã é segunda, o fim de semana é sempre tão curtinho, passa num a velocidade louca, nunca dá para fazer nem um décimo do que queria fazer, será que isto é normal?? Eu até acho que a semana podia muito bem ter 4 dias de trabalho e 3 de fim de semana, era mais justo :) Vamos fazer uma revolução?? A malta tem tanto com que se entreter em casa !!!!

Em compensação recebi uma ótima notícia! Vou ser madrinha, mais propriamente tia-madrinha e o meu amor o padrinho. Este doce que aparece na foto é o meu sobrinho Bernardo, ele não é tão lindinho?????

23 setembro 2005

Acabei mais uma






Aqui está mais uma carteirinha para telemóvel, esta vai direitinha para a menina Cátia Vanessa :) As encomendas não param, e ainda bem :). Não gosto de monotonia, por isso todas as carteiras têm sido e vão ser sempre diferentes, umas só com fio de algodão, outras com contas de madeira, outras com missangas, outras com o que vier à mão....., adoro passar meia hora a imaginar como vou decorar a bolsinha. A foto está altamente, é da autoria da doitora Minduxa!!! Obrigada!!

Finalmente é sexta feira e vou estar com o meu amor, ele anda sempre a fazer horas, sempre a trabalhar (ai se eu fosse rica...... :))


21 setembro 2005

Ainda é 4ª feira...

Não percebo!! Não consigo que a imagem do flickr com as minhas fotos apareça aqui direitinho, já apareceu no princípio mas agora despareceu, bem quando ela quiser voltar que volte que está perdoada :)

Bem mas nem tudo é assim sombrio :), logo de manhã li dois comentários um da Rosa e outro da Cláudia, (afinal alguém vê o meu blog!!).

Hoje ainda é 4ª feira... :( e isto aqui no trabalho tá muito parado. Será que é assim por todo o lado???
A minha vontade era de ir para casa, tenho tantas coisas para fazer :), mas tem que se trabalhar.... (eu e o meu amor temos uma prestação para pagar e das grandes)
Gostava de ser muito rica e passar o dia em casa a mexer com tecidos, botões, fitas, tintas, pincéis, agulhas, lãs...... passar o dia a inventar coisas. Pode ser que um dia realize estes sonhos, ou não???

20 setembro 2005

Xixão#1 na selva


Xixão#1 na selva
Originally uploaded by trapinhoo.
O meu primeiro ursinho e foi prenda para uma menina muito linda chamada sara.

Sabonetes #1,#2,#3,#4


Sabonetes #1,#2,#3,#4
Originally uploaded by trapinhoo.
Os meus primeiros sabonetes com aplicação de guardanapo,que ofereci à minha querida madrinha A. e à minha doce tia G.

Galinha#1


Galinha#1
Originally uploaded by trapinhoo.
Aqui está a minha galinha flausina nº1, mais uma aventura neste mundo de trapos e trapalhadas. Está disponível para trocas!!!

As minhas 1ªas trapalhadas



















Eu não sou muito organizada. E como eu gostaria de o ser! Quando ainda imaginava como seria o meu blog idealizava assim: tenho de começar a mostrar as 1ªs coisas e assim sucessivamente de um modo cronológico, pois, mas a verdade é uma, eu sou muito trapalhona, mas também nem quero pensar muito nisto :)

A boneca foi feita o ano passado para aplicar numa fita para uma amiga minha que benzeu as fitas, como eu gosto de fazer coisas com tecidos lembrei me da bonequinha e foi um sucesso (modéstia à parte).

A bola de trapos, um dia vi uma e decidi fazer, então como tinha lá uma bola de futebol em casa comecei a investigar e descobri que a bola é constituída por figuras geométricas (hexágonos e pentágonos) então foi só arrregaçar as mangas e começar. Primeiro fazer os moldes em cartão, depois passar para os diferentes tecidos e por fim coser tudo. O enchimento é de espuma e ficam muito fofinhas e resistentes!! Costumam agradar a pequenada!!

16 setembro 2005

DIÁRIO DE UM CÃO
1ª semana
Hoje completei uma semana de vida. Que alegria ter chegado a este mundo!

1 mês
A Minha mãe cuida muito bem de mim. É uma mãe exemplar!

2 meses
Hoje separaram-me da minha mãe. Ela estava muito irrequieta e, com seu olhar, disse-me adeus. Espero que a minha nova "família humana" cuide tãobem de mim como ela o fez.

4 meses
Cresci rápido, tudo me chama a atenção. Há várias crianças na casa e paramim são como "irmãozinhos ". Somos muito brincalhões, eles puxam-me o rabo e eu mordo-os na brincadeira.

5 meses
Hoje deram-me uma bronca. A minha dona ficou incomodada porque fiz xixidentro de casa. Mas nunca me haviam ensinado onde deveria fazê-lo. Além doque, durmo no hall de entrada. Não deu para aguentar

8 meses
Sou um cão feliz! Tenho o calor de um lar; sinto-me tão seguro, tãoprotegido... Acho que a minha família humana me ama e me dá muitas coisas.O pátio é todinho para mim e, às vezes, excedo-me, cavando na terra como meus antepassados, os lobos quando escondiam a comida.Nunca me educam... Deve ser correcto tudo o que faço.

12 meses
Hoje completo um ano.Sou um cão adulto. Os meus donos dizem que cresci mais do que eles esperavam. Que orgulho devem ter de mim.

13 meses
Hoje acorrentaram-me e fico quase sem poder movimentar-me onde tem um raiode sol ou quando quero alguma sombra. Dizem que vão-me observar e que sou umingrato. Não compreendo nada do que está a acontecer.

15 meses
Já nada é igual... moro na varanda. Sinto-me muito só. A Minha família jánão me quer! Às vezes esquecem-se que tenho fome e sede.Quando chove, não tenho tecto que me abrigue...

16 meses
Hoje tiraram-me da varanda. Estou certo de que a minha família me perdoou.Eu fiquei tão contente que pulava com gosto. O meu rabo parecia umventilador. Além disso, vão levar-me a passear!! Dirigimo-nos para a estrada e, de repente, pararam o automóvel. Abriram a porta e eu desci feliz,
pensando que passaríamos o nosso dia no campo. Não compreendo porque fecharam a porta e se foram."Ouçam, esperem!" Ladrei... esqueceram-se de mim... Corri atrás do carro com todas as minhas forças. A minha angústia crescia ao perceber que quaseperdia o fôlego. Eles não paravam. Haviam-me esquecido!

17 meses
Procurei em vão achar o caminho de volta ao lar. Estou só e sinto-me perdido! No meu caminho existem pessoas de bom coração que me olham comtristeza e me dão algum alimento. Eu agradeço-lhes com o meu olhar, desde ofundo da minha alma. Eu gostaria que me adoptassem: seria leal como ninguém!Mas apenas dizem: "pobre cãozinho, deve ter-se perdido."

18 meses
Um dia destes, passei perto de uma escola e vi muitas crianças e jovens comoos meus "irmãozinhos" aproximei-me de um grupo e um deles, rindo, atirou-me numa chuva de pedras "para ver quem tinha melhor pontaria". Uma dessaspedras, feriu-me o olho e então,não vejo com ele.

19 meses
Parece mentira. Quando estava mais bonito, tinham compaixão de mim. Já estou muito fraco; meu aspecto mudou. Perdi o meu olho e as pessoas mostram-me avassoura quando pretendo deitar-me numa pequena sombra.

20 meses
Quase não posso mexer-me! Hoje, ao tentar atravessar a rua por onde passam nos carros, um acertou-me! Eu estava no lugar seguro chamado "calçada ", masnunca esquecerei o olhar de satisfação do condutor, que até se vanglorioupor acertar-me. Oxalá me tivesse matado!Mas só me deslocou as patas traseiras! A dor é terrível!As Minhas patas traseiras não me obedecem e com dificuldade arrastei-me atéa relva, na beira do caminho. Faz dez dias que estou embaixo do sol, dachuva, do frio, sem comer. Já não posso mexer-me!A dor é insuportável! Sinto-me muito mal, fiquei num lugar húmido e parece que até o meu pêlo está a cair. Algumas pessoas passam e nem me vêem; outrasdizem: "não te chegues perto!" Já estou quase inconsciente; mas alguma força";
estranha me faz abrir os olhos. A doçura de sua voz fez-me reagir."Pobre cãozinho, olha como te deixaram", dizia... com ela estava um senhorde avental branco. Começou a tocar-me e disse:"Sinto muito senhora, mas este cão já não tem remédio. É melhor que pare de sofrer".A gentil senhora, com as lágrimas rolando pelo rosto, concordou.Como pude, mexi o rabo e olhei-a, agradecendo-lhe que me ajudasse adescansar. Somente senti a picada da injecção e dormi para sempre, pensando nem porque tive que nascer se ninguém me queria.

Amigos, a solução não é abandonar um cão na rua mas sim educá-lo.Não transformem em problema, tão grata companhia. Abram a consciência dos ignorantes, e assim podemos acabar com os maus tratos aos animais, especialmente com o problema de cães e gatos de rua.);

A saga das fraldas




Isto tudo começou quando estava para nascer o meu sobrinho (que já nasceu no dia 2 de Setembro e chama-se Bernardo e é muito giro :)) e a minha mãe perguntou-me se eu não queria bordar umas fraldas em ponto de cruz. Eu que me farto depressa de tudo e tinha andado num Atelier a aprender a pintar em tecido resolvi pôr me logo á experiência e em menos de nada pintei 6 fraldas. Ficaram deliciosas e já a fazer companhia ao menino. Entretanto fiquei com saudades e resolvi pintar mais duas, uma com um ursinho muito amoroso e outra com uma boneca diferente. Na fralda da boneca parecia que faltava alguma coisa, então pedi ajuda á minha SUPER MÃE e ela ensinou me a fazer um picô em crochet o resultado está á vista. A partir daqui entusiasmei me com o crocet e é essa a minha panca agora :). Ando a fazer umas flores em crochet, quando tiver tempo mostro aqui.

15 setembro 2005

Estojo crochet *1*


Estojo crochet *1*
Originally uploaded by trapinhoo.
ando em experiências, já dizia a minha avozinha querida que só não parte quem não mexe. (Muitos beijinhos para ti minha linda que agora estás com o avô)

A minha última trapalhada


Aqui está o estojo em crochet que eu fiz para a minha amiga Ângela. Fiz um para mim que demorou as férias todas (1 semana) porque para variar fartei me de inventar, de fazer, de desfazer enfim , mas ficou pronto, depois eu mostro. Mas este tá mais mimosinho. A minha mãe até se espanta comigo pois eu nunca achei piada ao croché. Mas realmente, isto é só começar que depois não se consegue parar. Agora tou a fazer uma em rosa para a Susana, tá quase quase.


Ainda não é desta que consegui!! Esta sou eu e queria por esta imagem no local da minha foto, mas AINDA NÃO CONSEGUI. Como toda a gente diz que eu sou chata e teimosa (eu sei que sou) eu hei de conseguir...

Flickr

This is a test post from flickr, a fancy photo sharing thing.